Publicado: 20 de julho de 2017, 10:15

Servidores participam de curso sobre documentos eletrônicos do e-Doc Sergipe

Servidores estaduais recebem orientações para elaborar documentos eletrônicos no e-Doc Sergipe – Sistema para Gestão Eletrônica de Documentos e Processos. O curso promovido pela Empresa Sergipana de Tecnologia da Informação (Emgetis), vinculada à Secretaria de Estado da Casa Civil (Secc), tem o objetivo de capacitar os administradores locais do sistema na produção de comunicação interna (CI) e ofício eletrônicos.

O curso acontece desde segunda, 29, e se estende até esta quarta-feira, 31, na Sala de Treinamento da Emgetis. Durante o período, participantes de 58 órgãos são orientados desde a instalação do BrOffice – pacote de escritório padrão adotado pelo e-Doc Sergipe – até a utilização dos templates pré-definidos de CI e ofício, elaborados pela Área de Sistemas de Informação (Arsin) da Emgetis.

De acordo com a gerente da Arsin, Helga Barreto, os servidores que atuam como administradores locais deverão repassar todo o conhecimento adquirido durante o treinamento aos demais funcionários dos órgãos nos quais estão lotados. “A Emgetis estará à disposição dos administradores locais em casos de dúvidas”, informa.

“Os alunos estão abertos para aprender a nova funcionalidade do e-Doc”, observa a analista de sistema Ana Tereza Fonseca, que ministra o curso. Segundo a analista, após essa capacitação inicial, a Emgetis vai treinar o mesmo grupo para elaborar documentos diferentes dos já padronizados.

Uniformização

Na visão do gestor de TI do Ipesaúde, Luis Antônio Uchoa, a nova funcionalidade do e-Doc é importante porque unifica e estabelece padrões na tramitação e elaboração de documentos. “Para o Ipesaúde é uma maravilha, porque hoje o processo de CI do órgão não é automatizado, é feito através do papel e de maneira independente em cada unidade, sem padrão”, relata Uchoa após participar do curso.

Esse treinamento prepara os órgãos para utilização do módulo de CI eletrônica no e-Doc Sergipe, que estará disponível a partir do dia 5 de abril. “Esta nova fase vai melhorar totalmente o trâmite de documentos, pois passará a ser eletrônico no âmbito dos órgãos integrados ao sistema”, expõe o presidente da Emgetis, Ulisses Benedito de Paula.

Skip to content