Publicado: 21 de junho de 2017, 12:08

Representantes da Seplag e Emgetis participam de palestra sobre tecnologia móvel

Na manhã desta quarta-feira, 27, representantes da Secretaria de Estado de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag) e da Empresa Sergipana de Tecnologia da Informação (Emgetis) participaram de uma palestra sobre tecnologia móvel (mobile), com o objetivo de conhecer as possibilidades de integração entre soluções e aplicações da área no cotidiano corporativo. O evento, promovido pela empresa Stefanini IT Solutions, reuniu também gestores de TI de outros órgãos do Governo do Estado.

Durante o encontro, foram apresentadas as diversas formas de uso da tecnologia móvel, abrangendo desde a identificação biométrica até a gestão logística em tempo real. Segundo o consultor de Tecnologia e Soluções da Stefanini Vandilson Graciose, que proferiu a palestra, as aplicações móveis permitem às organizações uma troca imediata de informações entre colaboradores, podendo ser utilizadas em atividades como assistência técnica e controle de estoque. “A solução possibilita agilidade no processo de gestão e maior transparência no acompanhamento da execução dos serviços”, completou.

Para o subsecretário de Administração e Logística da Seplag, Walter Pereira, conhecer detalhes da tecnologia é fundamental para a modernização administrativa. “O intuito da nossa presença neste evento é acompanhar o avanço tecnológico na área mobile para dotar o Estado de mecanismos que maximizam as ações administrativas. Essa tecnologia é um sistema que pode facilitar a gestão e a logística do Governo”, revelou.

De acordo com o gerente de Contas da Stefanini, José Carlos Bezerra, o objetivo principal da palestra foi mostrar que a utilização dos equipamentos móveis já é uma realidade no meio corporativo. “O acesso às informações é imediato, com dados disponíveis ‘em mãos’, isso possibilita uma atualização mais ágil e consequentemente, uma melhor prestação de serviços”, disse.

O presidente da Emgetis, Ezio Prata Faro, entende que eventos como esses são importantes para a capacitação dos técnicos. “Os funcionários devem estar atentos às inovações da área, pois com isso eles estarão aptos à responderem mais rapidamente às demandas de tecnologia do Governo”, concluiu.

*Fotos: Shirley Rocha

Skip to content