Publicado: 31 de maio de 2017, 10:28

Funcionários da Emgetis realizam exames periódicos com mais conforto

A Empresa Sergipana de Tecnologia da Informação (Emgetis) inovou nesta sexta-feira, 21, ao realizar exames periódicos em um grupo de funcionários dentro do próprio local de trabalho. Para minimizar o desconforto de ter que, por exemplo, ir a um laboratório fazer a coleta de sangue, a Emgetis contratou os serviços de unidade móvel de uma clínica, que disponibilizou um técnico laboratorial para coletar o sangue e recolher o material trazido pelos funcionários.

De acordo com a gerente da Área de Pessoal da Emgetis, Ana Paula Correia, o exame médico periódico deve ser realizado em tempos pré-determinados para todos os colaboradores da empresa. “Dividimos os trabalhadores em quatro grupos. O primeiro realizou os exames hoje. Os demais serão distribuídos, e a previsão é que a próxima equipe possa fazer o exame daqui a aproximadamente 15 dias”, relata.

Satisfação

Uma das participantes do primeiro grupo foi a assistente de produção Rosângela Menezes. “Essa ideia de dividir os funcionários por etapas foi ótima, porque assim o atendimento é mais rápido e não precisamos ficar em jejum por tanto tempo. Além disso, fazer esses exames dentro da própria Emgetis nos trouxe mais conforto. Quero também registrar o meu elogio ao técnico laboratorial Willame Melo, que nos atendeu muito bem e tem uma mão bem levinha para tirar o sangue”, comenta.

Outra que passou pelos exames foi a assistente administrativa Maria Angelita Alves. “Só tenho elogios por essa rapidez, a agilidade com que fomos atendidos. Nós, da Área de Pessoal, procuramos organizar tudo da melhor forma possível para beneficiar nossos funcionários”, conta.

Ao todo, 139 funcionários da Emgetis passarão pelos exames periódicos. Neste primeiro momento, 30 deles foram atendidos. Com a coleta do sangue, será possível fazer um hemograma e investigar glicemia e colesterol. Os funcionários também terão direito ao sumário de urina e ao parasitológico de fezes, para isso recebem coletores da Emgetis.

Por Andreza Azevedo
Imagem: Divulgação

Skip to content