Emgetis entrega avaliação dos projetos de modernização da TI em SE

A comissão Técnica da Empresa Sergipana de Tecnologia da Informação (Emgetis) entregou ao diretor-presidente, Ezio Faro, nesta sexta-feira, 16, o resultado da avaliação das propostas encaminhadas por empresas concorrentes no Plano de modernização e expansão da Tecnologia da Informação (TI) em Sergipe. De acordo com o presidente da Comissão e coordenador do projeto, Mário Vasconcelos, das quatro empresas participantes, uma foi desclassificada por não atender aos critérios exigidos no Edital de convocação realizado pela Agência dos Estados Unidos para o Comércio e Desenvolvimento (USTDA), em parceria com a Emgetis.

Composta por sete técnicos da Emgetis, a Comissão analisou as propostas de forma individualizada. “Disponibilizamos um formulário que orientou os técnicos quantos aos procedimentos de avaliação, de acordo as exigências apresentadas no Edital, nos permitindo dar mais transparência ao processo e também apresentando um resultado bastante satisfatório dentro do prazo preestabelecido”, explicou Mário Vasconcelos.

A avaliação da Comissão teve como base a experiência das empresas em projetos semelhantes, na capacitação da equipe de profissionais envolvidos, na abordagem proposta para a execução das tarefas e nas competências interculturais desenvolvidas pelas empresas.

Em continuidade ao processo de seleção, o diretor-presidente Ezio Faro encaminhou o resultado à USTDA que fará a avaliação da regularidade das empresas participantes. “Em aproximadamente 10 dias, a USTDA retornará o contato com a Emgetis informando, oficialmente, o nome da empresa vencedora para que possamos pôr em prática o processo de modernização e expansão da TI em Sergipe”, comentou Ezio.

O Plano de Modernização e Expansão da TI no Estado contará com um investimento de US$ 600 mil (mais de R$ 2,1 milhões), sem custos para Sergipe. “Este Plano permitirá a implantação de uma rede banda larga de alta velocidade, possibilitando uma melhoria na prestação de serviços eletrônicos prestados pelo Governo de Sergipe e uma maior transparência da gestão pública”, enfatizou Ezio.

Mário Vasconcelos acrescenta ainda que o aperfeiçoamento da rede interligará todas as secretarias e órgãos estaduais. “Além de proporcionar uma maior velocidade e eficiência na entrega dos serviços públicos, este projeto reduzirá também os custos para o Estado, através da utilização de uma eficiente infraestrutura de comunicações”, destacou.

 

Última atualização: 11 de maio de 2017 09:22.

Pular para o conteúdo