Publicado: 11 de maio de 2017, 16:28

Emgetis comparece ao TCE para tratar sobre reforma administrativa

A conselheira do Tribunal de Contas do Estado de Sergipe (TCE), Susana Azevedo, reuniu nesta terça-feira, 24, gestores de algumas das empresas da administração indireta do Estado que estão incluídas no projeto de reforma administrativa do Governo. O projeto, que prevê a possível extinção destas empresas, fez com que a conselheira convocasse os gestores para que estes apresentassem um panorama geral sobre os órgãos, a exemplo do número atual de empregados.

A Empresa Sergipana de Tecnologia da Informação (Emgetis), representada pelo seu diretor presidente, Ezio Faro, foi uma das participantes da reunião. “É preciso salientar a importância da empresa pública de TI para o Estado de Sergipe, especialmente pelos projetos, a exemplo da parceria com a USTDA, que certamente será um grande diferencial para o Governo de Sergipe”, ressaltou Ezio Faro.

Diretor-presidente da Emgetis, Ezio Faro

Ezio refere-se à parceria com a Agência dos Estados Unidos para o Comércio e Desenvolvimento (USTDA), que em 2014 enviou representantes a Sergipe para avaliar três projetos sugeridos pela Emgetis. Todos eles estão em fase avançada de negociações: Cidades Digitais – Rede Estadual de Internet Banda Larga; que significa a cobertura de internet banda larga abrangendo áreas governamentais, como Saúde, Educação e Segurança Pública; Data Center – Sala Cofre e Segurança Digital – Gestão da Continuidade de Negócios. O investimento da USTDA será de cerca de US$ 740 mil.

Medidas

Uma das medidas anunciadas pela conselheira durante o encontro foi a colocação de uma equipe técnica do TCE à disposição desses gestores para esclarecer dúvidas, auxiliando na tomada de decisões. De acordo com Susana Azevedo, a convocação dos gestores serviu para informá-los e para reforçar que o Tribunal irá acompanhar, passo a passo, os possíveis processos de extinção, fusão e /ou incorporação.

Além da Emgetis, compareceram ao TCE gestores da Companhia de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Irrigação de Sergipe (Cohidro), Empresa Sergipana de Turismo (Emsetur) e da Empresa de Desenvolvimento Agropecuário de Sergipe (Emdagro).

Por Andreza Azevedo
Fotos: Portal Infonet

Skip to content